International Union of Geological Sciences – IUGS

A International Union of Geological Sciences – IUGS, Membro do Conselho Internacional da Ciência – ICSU, promove e incentiva o estudo dos problemas geológicos, especialmente os de importância mundial, e apoia e facilita a cooperação internacional e interdisciplinar nas Ciências da Terra, sendo uma das maiores e mais ativas organizações não governamentais científicas do mundo.

A IUGS conta com 121 países membros, incluindo o Brasil, que através da CPRM que tem a responsabilidade do pagamento da anuidade, que assegura a posição do país membro com direito a voto e participação ativa nas comissões internas da IUGS.

A IUGS é a entidade que suporta financeiramente a realização do International Geological Congress – IGC. Este evento fundado em 1876 teve o seu primeiro encontro realizado em Paris, em 1878. Desde então, o evento ocorre há cerca de 140 anos, por períodos que variaram, com raras exceções, de três em três anos até 1929, e, a partir desta data, a cada quatro anos, conforme pode ser visualizado na tabela a seguir.



No ano de 2000 o Brasil sediou 31st International Geological Congress (31st IGC), na cidade do Rio de Janeiro, sendo esta a primeira vez que o IGC ocorreu na América do Sul. A CPRM teve papel fundamental na organização do 31st IGC, com a responsabilidade de abrigar a secretaria do evento, na “Casa-Brasil”. Com o encerramento das atividades do 31st IGC, este lugar foi posteriormente denominado Centro de Treinamento Orville Derby (“Casa do Derby”).

Atualmente, a IUGS tem atribuído especial atenção:
  • Às normas internacionais.
  • Ao ensino das Geociências.
  • Às Geociências da informação.
  • À gestão ambiental e riscos geológicos.

As comissões, os grupos de trabalho e as iniciativas da IUGS envolvem um amplo leque de pesquisa geológica que interessa a governos, indústrias e grupos acadêmicos. A IUGS acredita que é benefício mútuo estabelecer uma ligação estreita com outras organizações envolvidas em atividades de Geociências.

A IUGS coordenar os programas internacionais de investigação geocientífica de forma contínua. Os geocientistas reconhecem a necessidade de um mecanismo para agir sobre os problemas globais geológicos, como por exemplo, o Congresso Internacional de Geologia (IGC) realizados a cada quatro anos. A IUGS também se destina a servir como elo vital na solução dos problemas que requerem contribuição interdisciplinar de outras uniões científicas internacionais que operam sob a égide do Conselho Internacional para a Ciência – ICSU. A IUGS promove o diálogo e a comunicação entre os vários especialistas em Ciências da Terra ao redor do mundo, por meio da organização e desenvolvimento de projetos e de reuniões internacionais, do patrocínio de simpósios e viagens científicas e de publicações. Os tópicos abordados abrangem desde a investigação fundamental até sua aplicação econômica e industrial a temas científicos, ambientais e sociais até os problemas educacionais e de desenvolvimento.

Atualmente a IUGS está envolvida em:
  • Identificação e definição de problemas críticos para melhor compreensão dos processos geológicos terrestre e planetário.
  • Incentivo à formulação e teste de novos conceitos geológicos, modelos e metodologias.
  • Concentração do esforço internacional no estudo de problemas críticos econômicos ou ambientais, cuja resolução pode depender de um entendimento da Geologia.
  • Promoção de um acordo internacional sobre a nomenclatura e classificação em diversas disciplinas geocientíficas como Estratigrafia, Petrologia e Tectônica.
  • Fortalecimento de mecanismos para facilitar a Cooperação Internacional em pesquisa geológica e intercâmbio.
  • Melhoria da publicação, divulgação e utilização de informações geológicas.
  • Incentivo a novas relações entre disciplinas que se relacionem com a Geologia.
  • Captação de alunos competentes e de investigadores que se dediquem à Geologia, e estímulo à educação excelente para os estudantes interessados em Ciências da Terra.
  • Fomento a uma maior compreensão entre os cientistas do que está sendo realizado em cada país em relação à Geologia.
  • Promoção do entendimento público e da valorização do Planeta Terra, o seu ambiente no espaço e seu estudo.
  • Promoção do bem-estar público, assegurando a contribuição adequada da Geologia para as decisões de políticas públicas.

Em 2008 na A CPRM, instituição que assegura ao Brasil a posição de país membro da IUGS, conferindo-lhe o direito a voto, participou de duas eleições realizadas durante a Assembleia Geral da International Union of Geological Sciences - IUGS, que ocorreram durante 33th International Geological Congress (33th IGC), em Oslo: (i) a disputa entre Índia, Marrocos e África do Sul, quando 195 países membros elegeram a África do Sul para sede do 35th IGC, a ser realizado em 2016 na cidade de Cape-Town; e (ii) a eleição do novo Presidente da IUGS, tendo concorrido dois candidatos, representantes da Argentina e do Cameron, África, saindo vitorioso o Argentino.


© Copyright CPRM 2016. Todos os direitos reservados.