Prospectores & Development Association of Canada – PDAC

Prospectors & Developers Association of Canada – PDAC representa o interesse da exploração mineira e o desenvolvimento da indústria mineral no Canadá, país conhecido mundialmente como um centro de excelência em mineração e tecnologia mineral, e hoje é o maior fórum da indústria mineral no contexto mundial.

Fundada em 1932, a associação desde então vem se tornado conhecida por promover convenções, negócios e networking entre investidores, sendo o International Conventional, Trade Show & Investorrs Exchange, informalmente denominado PDAC, realizado anualmente em Toronto, Canadá, o mais tradicional destes encontros, representando o maior e mais importante evento de classe internacional relacionado à indústria mineral.

A associação é uma organização com 6.000 membros individuais, incluindo: geocientistas, consultores, prospectores, representantes de governos e de serviços geológicos regionais e locais, comunidade financeira e de legisladores, representantes de associações de mineração e a mídia em geral envolvida com este assunto, e 950 membros corporativos formados por executivos e gerentes, profissionais de empresas tradicionais da indústria de mineração, seniores de empresa médias e junior companies, além de organizações provedoras de serviços e equipamentos para a indústria mineral.

O evento PDAC é líder entre as convenções do gênero pela excelência de sua programação técnica, seu foco em business e oportunidades para o estabelecimento de networking de abrangência global, por reunir os mais expressivos representantes, direta ou indiretamente, envolvidos com a indústria mineral no contexto mundial e a mídia em geral que lida com esse segmento da economia. Além de proteger e promover o interesse do setor de exploração mineral no Canadá, o PDAC tem como missão encorajar o uso dos altos padrões técnicos, ambientais, de segurança no trabalho e práticas sociais na atividade mineira, no Canadá e no mundo.

Como estratégia o PDAC visa harmonizar a atividade de mineração com o meio ambiente e o desenvolvimento social em base sustentável, tendo em vista que, as substâncias minerais representam os insumos básicos para o bem-estar da população. O processo de produção, transformação, uso e reciclagem mineral poderá contribuir com a sociedade para alcançar muitos outros objetivos, entre eles, gerar empregos, direta ou indiretamente, e produzir energia, não só para atender a demanda doméstica, como também as indústrias, propiciando desenvolvimento às economias nacionais. Neste contexto, a proposta objetiva definir o melhor desempenho a ser assumido pela indústria mineira, bem como criar sanções e incentivos que permitam demonstrar que os recursos minerais são essenciais para o desenvolvimento da economia mundial, bem como assegurar qualidade de vida e bem-estar a sociedade contemporânea.

Realizado no Metro Toronto Convention Centre, em Toronto, Canadá, e representando desde a época de sua fundação em 1932, a importância do PDAC pode ser demonstrada pela participação de cerca de 22.000 congressistas (dados de 2004), como também pelas oportunidades geradas, merecendo destaques, entre outras:
  • A presença da comunidade de empresários, representantes de mais de 100 países de reconhecida atuação na indústria mineral, propiciando a discussão sobre oportunidades minerais num clima aberto e transparente de negociações.
  • Cerca de 1.000 companhias exibindo e discutindo resultados de exploração e mineração, além da exposição de suprimentos diversos de serviços e equipamentos.
  • A participação dos profissionais das Geociências envolvidos com o setor mineral, para debater os novos desafios da mineração sob a forma de diversos temas selecionados nas mais variadas modalidades: conferências, palestras, mesa redondas, apresentação de painéis, reuniões, entre outros.

A representatividade brasileira no PDAC desde 1998, de forma continua, estende-se, além do âmbito do governo federal, para os níveis dos governos estaduais e de empresários, que, num esforço conjunto tem viabilizado o Brazil Pavilion (“Pavilhão Brasil”), organizado e operacionalizado pela CPRM e ADIMB. O Pavilhão Brasil representa um esforço conjugado entre o governo federal e empresa privadas, nacionais e estrangeiras atuantes no Brasil que, reunidos em consórcio, trabalham para a promoção organizada do setor mineral brasileiro nesse evento.

Há mais de 15 anos o Brasil tem participado do PDAC, sem interrupções, conquistando importante espaço no cenário internacional como resultado da política de divulgação e promoção do setor mineral brasileiro implementada pelo Governo Federal, sob a liderança do Ministério de Minas e Energia (MME), através da Secretária de Geologia, Mineração e Transformação Mineral (SGM) com a colaboração e participação da CPRM e DNPM. Esta ação é uma demonstração do processo para tornar efetiva a parceria governo e iniciativa privada, objetivando a captação e o aporte de recursos financeiros para o desenvolvimento da indústria mineral brasileira.

Objetivando atrair o maior número de pessoas, representantes de empresas públicas ou privadas, bem como potenciais investidores interessados em conhecer a potencialidade mineral do Brasil, o Pavilion Brazil disponibiliza as empresas patrocinadoras apoio e infraestrutura que permitem realizar contatos e reuniões de negócios, num clima cordial e aberto, bem como promover iniciativas entre parceiros concorrentes para uma maior sinergia entre o setor produtivo e a área governamental, justificando a presença em bloco das empresas privadas e estatais brasileiras no PDAC. Desta forma torna possível potencializar os efeitos e os objetivos desejados por ambos os setores no maior fórum de negócios de depósitos minerais no mundo.





© Copyright CPRM 2016. Todos os direitos reservados.