Avaliação Técnica Pós-Desastre

A Avaliação Técnica Pós-Desastre visa fornecer subsídios técnicos aos municípios, a partir do registro e da caracterização das áreas habitadas que sofreram perdas ou danos decorrentes das chuvas intensas que atingem anualmente os municípios brasileiros. A escala varia de 1:1.000 a 1:2.000.


UF MUNICÍPIO PRODUTOS
AC Brasiléia 2015
AL Atalaia 2017
AL Capela 2017
AL Pilar 2022 | 2017
AL São Luís do Quitunde 2017
BA Itamaraju 2022
BA Jucuruçu 2022
BA Matarandiba 2018
ES Santa Leopoldina 2019
MG Aimorés 2013
MG Antônio Dias 2023
MG Capelinha 2014
MG Coronel Fabriciano 2014
MG Curvelo 2019
MG Governador Valadares 2013
MG Itabirinha 2022
MG Itambacuri 2020
MG Itanhomi 2015
MG Mantena 2014
MG Resplendor 2013
MG Santa Maria de Itabira 2021
MG Timóteo 2014
PA Belém 2022
PA Parauapebas 2021
PE Amaraji 2017
PE Barra de Guabiraba 2017
PE Belém de Maria 2017
PE Camaragibe 2022
PE Cortês 2017
PE Fernando de Noronha 2019
PE Jaqueira 2017
PE Maraial 2017
PE Palmeirina 2022 | 2017
PE São Benedito do Sul 2017
PE São Vicente Ferrer 2022
RJ Bom Jesus do Itabapoana 2018
RJ Conceição de Macabu 2018
RJ Macaé 2018
RJ Nova Friburgo 2007
RJ Petrópolis - Apoio DRM 2022
RJ Petrópolis - Museu Imperial 2022
RJ Petrópolis - Palácio Rio Negro 2022
RJ São José do Vale do Rio Preto 2018
RN Natal - comunidade Jacó 2014
RN Natal - comunidade Mãe Luiza 2014
RN Extremóz 2017
RO Porto Velho - Distrito de Nazaré 2017
RO Porto Velho - bairros Triângulo e ramal para Comunidade Maravilha 2017
RO Porto Velho - assentamento rural Joana d'Arc 2013
RO Porto Velho - porto JP, bairro Triângulo 2016
RO Porto Velho - Vila Calama, rio Madeira 2013
RS Porto Alegre 2021
RS Porto Alegre - unidade hospitalar Álvaro Alvim 2017
SC Presidente Getúlio 2021
SC Rio do Sul 2021
TO Miracema do Tocantins 2022

Contato e Informações

Tiago Antonelli
E-mail: seus@sgb.gov.br