Quinta-feira, 08 de dezembro de 2011

Técnicos da CPRM serão capacitados para mapeamento de Terras Raras

O Serviço Geológico do Brasil apresentou hoje (7/12), durante o Seminário Brasileiro de Terras Raras, no Rio Janeiro, o programa de pesquisa mineral que está sendo desenvolvido pela instituição com a finalidade de mapear ocorrências desses minerais no subsolo brasileiro. O mapeamento e feito associando geofísica com levantamento básico.

 Geóloga Lucy Takehara Chemale

A coordenadora nacional do projeto, geóloga Lucy Takehara Chemale explicou aos participantes do encontro o planejamento da CPRM para execução do programa em todo território nacional. “Acreditamos que vamos descobrir bastante coisa na medida em que avançarmos no levantamento geofísico”, afirmou Chemale.

 Abertura do evento

Segundo a coordenadora, a CPRM vai investir em treinamento e capacitação de técnicos que atuam no projeto para formar uma equipe multidisciplinar. O treinamento prevê visitas de técnicos brasileiros aos principais depósitos mundiais para rastrear e estudar a geologia em detalhe desses depósitos, novas formas de lavra e métodos de tratamento. “O intercâmbio é importante para aprendermos novos modelos, conhecer inovações tecnológicas e capacitar nossos recursos humanos”.

 

A geóloga explicou ainda que, o programa de pesquisa será desenvolvido em três etapas e concluído em 2013. “Ao final desse trabalho teremos um mapeamento completo do Brasil e o conhecimento do potencial do país para Terras Raras”, avaliou a pesquisadora.

 

O evento contou com a participação do engenheiro José Antônio Tebaldi Castellano, chefe de gabinete da presidência da CPRM, do geólogo Claudio Gerheim Porto, da Diretoria Recursos Minerais, e de representantes dos ministérios de Minas e Energia, e da Ciência, Tecnologia e Inovação, do Centro de Tecnologia Mineral, DNPM, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial e Instituto Brasileiro de Mineração.

  • Imprimir

© Copyright CPRM 2016-2019. Todos os direitos reservados.