Sílvio Villar Guedes

Sílvio Villar Guedes nasceu no dia 5 de fevereiro de 1915, na cidade de Guarabira, sertão paraibano. Formado em Engenharia de Minas e Civil pela Escola de Minas de Ouro Preto, turma de 1940, participou de inúmeros outros cursos de formação profissional.

Foi um pioneiro do setor mineral, sempre em busca do novo e do melhor. Como geólogo do Conselho Nacional do Petróleo (1940/41), rebelou-se contra a influência das empresas de perfuração na locação de poços sem critérios técnicos, deixando por isso o emprego.

Foi um dos precursores mundiais da utilização de aeroradiometria para a pesquisa mineral, tendo seus trabalhos apresentados na Primeira Conferência Mundial para Utilização de Energia Atômica para Fins Pacíficos (em Genebra, 1955) e republicados em vários livros da época.

Foi responsável direto pela primeira descoberta mineral utilizando-se geofísica no país, o que reorientou os rumos das pesquisas em Araxá, as quais culminaram com a descoberta da maior jazida de nióbio do mundo.
Transformou a empresa que dirigia, a Prospec, na maior empresa privada de geologia brasileira de todos os tempos, responsável pelo mapeamento geológico de mais de um milhão de quilômetros quadrados, inclusive de áreas inacessíveis da Amazônia.

Foi um dos mentores da utilização de sensoriamento remoto no país. Sílvio Villar Guedes sempre foi uma referência no setor mineral pela sua postura e firmeza de posições, sempre em prol do desenvolvimento.

© Copyright CPRM 2016. Todos os direitos reservados.