Segunda-feira, 08 de maio de 2017

Geóloga da CPRM apresenta estudo para uso agronômico de materiais descartados pela cadeia produtiva de gemas e joias

 Geóloga Magda Bergmann apresenta o livro lançado na Exposol com a pesquisa da CPRM O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) esteve representado na Feira Internacional de Pedras Preciosas (Exposol), em Soledade, evento anual que é referência no comércio de gemas do RS e do Brasil. A atividade ocorreu na última sexta-feira, dia 28, no Museu da Pedra Egisto Dal Santo, no Parque de Eventos Centenário Rui Ortiz, como parte da programação da 6ª Mostra de Pesquisas, Produtos e Tecnologias Aplicadas ao Arranjo Produtivo (APL) de Gemas e Joias do Rio Grande do Sul, que ocorreu em paralelo às atividades da 6ª edição da Exposol.

Na mostra, que tem o objetivo de reunir as pesquisas relacionadas ao APL de Gemas e Joias do Estado, a geóloga e pesquisadora Magda Bergmann apresentou o trabalho “Caracterização Litoquímica e Petrográfica de Riodacitos Vítreos Mineralizados com Ametista no RS: Possíveis Fontes de Potássio e Multinutrientes para Remineralização de Solos”. O trabalho compõe ainda o livro “Ações Aplicadas à Cadeia Produtiva de Gemas e Joias do Rio Grande do Sul”, lançado na feira.

A iniciativa busca fortalecer as pesquisas na região do APL de Pedras, Gemas e Joias, que é localizada no Planalto Médio, em área central do RS. A região é destaque por possuir grande incidência de gemas preciosas, predominando geodos, contendo ametista e ágata. O Rio Grande do Sul é considerado o maior produtor mundial desses minerais, em qualidade e em volume.

© Copyright CPRM 2016. Todos os direitos reservados.