Segunda-feira, 02 de julho de 2018

Parceria estratégica vai possibilitar a coleta de dados hidrológicos e geológicos via satélite

Representantes da Visiona apresentam o plano de satélites para a CPRM O diretor de Hidrologia e Gestão Territorial, Antônio Bacelar, recebeu os representantes da Visiona para discutir parceria entre o Serviço Geológico do Brasil (CPRM) e a empresa desenvolvedora de satélites. O objetivo da reunião é instituir um acordo de cooperação que permitirá a disponibilização de dados aerotransportados ou orbitais para os bancos de dados da CPRM.

Para o diretor Antônio Carlos Bacelar, a parceria com a Visiona é bastante relevante, pois auxiliará o Serviço Geológico a obter dados cada vez mais precisos, a serviço da população. “Estamos lidando com várias ocorrências, como a última que ocorreu a pouco no bairro de Pinheiro, em Maceió. A captação de dados com essa tecnologia vai nos ajudar a detectar as ocorrências em locais de difícil acesso, tanto como prevenção de desastres”, disse Bacelar.

A empresa começa a construir o primeiro satélite 100% nacional com um protótipo de alta tecnologia e baixo custo. Segundo o presidente da Visiona, João Paulo Campos, o satélite tem capacidade para dar a volta na terra em uma hora e fará a coleta de dados através de rádio que permite a comunicação com o CEMADEM. Nesse sentido a proposta para a CPRM é coletar os dados hidrológicos e geológicos solicitados pela empresa para detecção, por exemplo, das cheias nos rios, praticamente em tempo real.

Na primeira etapa do acordo, será criado um grupo de trabalho entre os técnicos da CPRM e da Visiona para elencar pontos de interesse de captação de dados da CPRM. O grupo se reunirá a partir de julho.

 João Paulo campos apresenta o protótipo do satélite da Visiona ao diretor Antônio Bacelar Assessoria de Comunicação
Serviço Geológico do Brasil - CPRM
asscomdf@cprm.gov.br
(61) 2108-8400

© Copyright CPRM 2016-2018. Todos os direitos reservados.